Ministro chinês do Comércio desvela planos para atualizar o comércio exterior

porCCBC 巴西中国商会

Ministro chinês do Comércio desvela planos para atualizar o comércio exterior

 devido a seus principais indicadores em consumo, comércio, investimento direto estrangeiro e investimento direto no exterior, mas está longe de um forte comerciante, disse Zhong em uma coletiva de imprensa no âmbito da primeira sessão da 13ª Assembleia Popular Nacional.

A fim de se tornar forte, a China deve insistir na inovação e seguir o caminho de desenvolvimento de alta qualidade, segundo Zhong.

Antes de 2020, a China deve consolidar sua posição como um grande comerciante. A meta de se tornar uma forte potência comercial deve ser basicamente realizada em 2035 e ser cumprida em todos os aspectos até 2050, disse Zhong.

Nos próximos cinco anos, há seis tarefas a ser cumpridas, incluindo aumentar a função fundamental do consumo no crescimento econômico, melhorar a competitividade do comércio exterior, promover os níveis de investimento bidirecionais, otimizar o modelo de abertura regional, formar novas relações econômicas e comerciais internacionais e fazer das atividades comerciais servirem melhor a vida da população.

Consequentemente, a China também estabeleceu oito planos de ação, incluindo atualização de consumo, inovação de investimento, cooperação sob a Iniciativa do Cinturão e Rota, assim como cooperação econômica e comercial regional multilateral.

Fonte: Xinhua

Deixe uma resposta

PT
CN